Keep The Ocean Blue

Seta

O mundo de amanhã

Poluição nos mares já é grave, mas todos podem fazer sua parte; saiba como você pode ajudar

Poluição nos mares já é grave, mas todos podem fazer sua parte; saiba como você pode ajudar

Dados indicam que até 2050 pode haver mais plástico que peixes.

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link “https://f5.folha.uol.com.br/viva-bem/2018/07/poluicao-nos-mares-ja-e-grave-mas-todos-podem-fazer-sua-parte-saiba-como-voce-pode-ajudar.shtml” ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo. Se precisa copiar trecho de texto da Folha para uso privado, por favor logue-se como assinante ou cadastrado.

FAÇA SUA PARTE
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link “https://f5.folha.uol.com.br/viva-bem/2018/07/poluicao-nos-mares-ja-e-grave-mas-todos-podem-fazer-sua-parte-saiba-como-voce-pode-ajudar.shtml” ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo. Se precisa copiar trecho de texto da Folha para uso privado, por favor logue-se como assinante ou cadastrado.
Fonte: Folha de São Paulo

Ver Mais
THE OCEAN CLEANUP INICIA SUA PRIMEIRA OPERAÇÃO PARA REMOVER PLÁSTICO DO OCEANO PACÍFICO

THE OCEAN CLEANUP INICIA SUA PRIMEIRA OPERAÇÃO PARA REMOVER PLÁSTICO DO OCEANO PACÍFICO

A Ocean Cleanup, uma iniciativa holandesa sem fins lucrativos que quer livrar os mares do lixo plástico, lançou seu o System 001 aos mares em 8 de setembro de 2018. Rebocado da Baía de São Francisco pelo navio Maersk Launcher, a barreira flutuante em forma de U de 600 metros de comprimento com uma “saia” de 3 metros será arrastada ao longo da superfície da água para recolher o lixo.

Quando chegar ao seu destino, o sistema está programado para ser impulsionado pelo vento e pelas ondas, coletando o plástico à medida que se move pelo oceano.

Devido ao seu formato, os detritos serão canalizados para o centro do sistema. Movendo-se ligeiramente mais rápido que o plástico, o sistema agirá como um gigante Pac-Man, passando pela superfície do oceano.

Operação mira na Grande Porção de Lixo do Pacífico

A meta da operação é a Grande Porção de Lixo do Pacífico, uma concentração de resíduos plásticos que contém pelo menos 79.000 toneladas de material espalhadas por 1,6 milhão de quilômetros quadrados – e que não para de crescer. Localizado no meio do caminho entre a Califórnia e o Havaí, o patch supostamente contém 1,8 trilhão de peças de plástico e cobre uma área equivalente aos territórios de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo somados.

Inicialmente, o sistema navegará a 240 milhas náuticas da costa por 14 dias de testes em sua configuração em forma de U. A equipe terá então a opção de voltar se os testes não forem bem-sucedidos.

Mas a esperança é que eles continuem a 1.200 milhas náuticas em direção ao lixo, onde a limpeza real começará.

Ver Mais