Seta

1ª etapa do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015

Show de surfe e fortes emoções marcaram a abertura do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015 na Prainha de São Francisco do Sul.

A bela Prainha, na histórica cidade de São Francisco do Sul, litoral norte do estado, sediou neste fim de semana atradicional etapa de abertura do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015. A competição reuniu 136 atletas e foi marcada por muito surfe e fortes emoções com a homenagem realizada no sábado pela Fecasurf ao surfista catarinense Ricardo dos Santos.
As homenagens ao surfista catarinense assassinado na Guarda do Embaú começaram logo cedo, com a realização de um minuto de silêncio em memória de Ricardinho, antes do inicio das competições primeira etapa do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015.  

Na parte da tarde foi feita mais uma grande e emocionante homenagem com a participação de muitos atletas e amigos pessoais, inclusive da namorada do Ricardinho, que formaram um grande círculo no mar da Prainha, enquanto ao mesmo momento era feita uma oração pelas pessoas que estavam na areia.

O campeão da categoria Open foi o surfista de Navegantes Derek Adriano, que achou as melhores ondas na grande final evenceu a primeira etapa do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015. Derek somou 11,65 pontos contra 10,50 pontos de Bruno Silva de Florianópolis, que ficou na segunda colocação. Completaram o pódio o surfista de Balneário Camboriú Alan Marcos na terceira colocação somando 9,60 pontos, e Gustavo Ramos, que vinha firme na liderança da bateria, mas no finalzinho da bateria acabou cometendo uma interferência e acabou na quarta colocação com 8,43 pontos.

A Fecasurf trouxe mais uma novidade para a temporada 2015 do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015, que foi a inclusão do sistema de baterias homem x homem com regras de prioridade nas categorias Junior e Mirim, seguindo o padrão das competições do circuito brasileiroe mundial.

Segundo Luiz Antônio Dantas, árbitro da WSL – World Surf Legue, “isto é muito importante para a formação dos atletas, pois as categorias Junior e Mirim são as que revelam o maior número atletas para os circuitos brasileiro e mundial, e assim eles podem ir se acostumando e se familiarizando com as regras de prioridades, onde o competidor deve saber esperar e escolher as melhores ondas, deve saber usar da prioridade a seu favor, e tudo isso é pra chegar nos circuitos profissionais lá na frente com uma bagagem maior, mais preparado para este tipo de disputa, e esse é o objetivo da Fecasurf”, concluiu Luiz Antônio.

A final da categoria Junior foidisputadíssima e o vencedor foi o surfista prata da casa Luan Garcia, quedominou bem o novo sistema homem x homem e somou 11,35 pontos contra 8,50pontos de Luan Piazera de Balneário Camboriú, que acabou na segunda colocação.

Na terceira colocaçãoficaram os surfistas Gustavo Ramos e Ivan Santos. Na Categoria Mirim foi mais uma grande disputa homem x homem acabou com a vitória de Luan Piazera, que escolheu as melhores ondas e somou 11,40 pontos contra 7,15 pontos do paulista Kaue Germano.

Outra novidade no circuito é a inclusão da categoria Kahuna, para surfistas com idade acima de 45 anos, e na estreia o campeão foi o surfista de Balneário Camboriú Saulo Lira.
Na categoria Máster o bicampeão catarinense Álvaro Bacana manteve sua hegemonia e foi o campeão desta primeira etapa do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015, de olho no “Tri”. 

Na categoria Iniciantes o paulista Kaue Germano fez uma boa apresentação e garantiu a vitória na Prainha.  Na categoria Infantil Luiz Mendes de Balneário de Barra do Sul foi o vencedor, e na categoria Feminino, a atual campeã catarinense Larissa Adriano de Navegantes venceu e largou na frente na corrida pelo título da temporada.                                                                                                                                                                                                                                                                     
Os recordes desta primeira etapa do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015 foram dos surfistas Kaue Germano, que marcou 9,50 pontos na maior nota do evento na segunda semifinal da categoria Mirim, e Derek Adriano que marcou 17,40 pontos maior somatória da competição, na terceira bateria do segundo round da categoria Open.

O projeto Keep The Ocean Blue e o pessoal da ONG Parceiros do Mar agitaram as areias da Prainha com varias atividades ligadas à conscientização ambiental e preservação das praias e animais marinhos. Também estiveram presentes que faz um trabalho muito importante, informando e orientando sobre a conservação do meio ambiente.

A próxima etapa do Circuito Catarinense Oceano de Surf Amador 2015 acontece em Florianópolis na Praia do Santinho nos dias 21, 22 e 23 de março e as inscrições já podem ser feitas na Fecasurf pelo fone 48-3025-1880.